O projeto de comunicação urbana, sinalização e ambientação dos espaços coletivos do festival Mirada 2016 teve como intenção fundamental construir elementos visuais fortes com presença física marcante que, apesar de suas grandes dimensões, sejam transparentes e leves.

Através da definição de uma retícula espacial, uma grelha em três dimensões, conseguimos criar estruturas transparentes com formas variadas que servem de suporte para blocos de informação iluminados. A sobreposição das camadas da estrutura proporcionam diferentes graus de transparência em função do movimento dos espectadores, com um efeito dinâmico.

METRO SESC FESTIVAL MIRADA

Também consideramos que o projeto deve manter uma estrutura reconhecível em diferentes escalas e em diferentes elementos sem perder suas características formais e materiais. Desse modo cria-se uma identificação direta e imediata entre os espaços que participam do festival que não fica restrita à aplicação da identidade visual gráfica. Para isso, a mesma solução construtiva foi adotada para resolver estruturas instaladas em espaços ao ar-livre, em ambientes urbanos, ou para mobiliar, organizar e sinalizar os espaços internos.

A identidade visual, concebida em conjunto com a equipe responsável pela sua criação, reforça a o dinamismo da estrutura tridimensional, integrando-se plenamente aos suportes, como uma unidade. O principio adotado permite portanto marcar a presença do Mirada 2016 em Santos em diferentes escalas – da cidade, dos edifícios e dos ambientes internos de convivência – através de estruturas tridimensionais de diversas escalas, criando ricas relações visuais entre os elementos de comunicação e o espaço em que se inserem.

METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC MIRADA 0METRO SESC FESTIVAL MIRADA86
METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC FESTIVAL MIRADA
METRO SESC FESTIVAL MIRADA

ficha técnica

Início do projeto: junho de 2016
Data do festival: 8 a 18 de setembro de 2016
Endereços: ambientação – Unidade Sesc Santos; sinalização – cidade de Santos, SP
Área: ambientação – aproximadamente 1500 m²; sinalização – cerca de 20 pontos na cidade
Projeto: Martin Corullon, Gustavo Cedroni, Helena Cavalheiro, Marina Ioshii, Juliana Ziebell, Manuela Porto, Gabriela Santana, Amanda Amicis
Fotos: Ilana Bessler e Gianfranco Vacani [assistente]