O Projeto Centro Aberto é composto por dois projetos de intervenção urbana em São Paulo: Centro Aberto São Francisco e Centro Aberto Paissandu. As ações, foram realizadas em parceria com o Itaú, que apoia a Prefeitura de São Paulo na proposta de reurbanização da área central da cidade, com colaboração da METRO. Promove a transformação de estruturas existentes e a renovação das formas de uso, com o objetivo de fortalecer o domínio público em seus locais de atuação. Os projetos tiveram duração de 2 meses como forma de testar novas soluções em escala real para amparar a elaboração de projetos de intervenção permanente.

Foram resultado de workshops realizados por iniciativa da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e consultoria metodológica do escritório dinamarquês Gehl Architects. A base dos projetos foi fundamentada em três pontos: ações de proteção e priorização de pedestres e ciclistas, ações de suporte à permanência no espaço público e ações de atração de público e ativação dos espaços públicos.

 

metro centro aberto paissandu
metro centro aberto paissandu
metro centro aberto paissandu
metro centro aberto paissandu
metro centro aberto paissandu
v
metro centro aberto paissandu
metro centro aberto paissandu
metro centro aberto paissandu
metro centro aberto paissandu
metro centro aberto paissandu

 

Data do projeto: 2014
Projeto de arquitetura: Martin Corullon, Gustavo Cedroni, Helena Cavalheiro, Isadora Marchi, Luís Tavares, Flávio Bragaia, Renata Mori, Marina Pereira, Camille Laurent, Marina Cecchi, Isadora Scheneider e Rafael de Sousa
Área do terreno: 6 850 m² Paissandu; 2610 m² São Francisco
Área construída: 759 m² Paissandu; 579 m² São Francisco